Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2015

Pós-Clube (26/05/15)

Imagem
O Clube da Leitura deseja a todos um bom fim de semana!



Mote do encontro (09/06/15)

Imagem
Texto lido por Igor Dias

Dinamarca


Couvert
A esquina da Rio Branco com Ouvidor é algo que saiu da rotina de Renata. Renata tem 23 anos, faz faculdade de arquitetura e mora em uma simpática casa de vila no carioquíssimo bairro das Laranjeiras. Saiu de um estágio no Centro e foi trabalhar na Barra da Tijuca. É morena, tem 1,73, 66 quilos. Perde-se em elucubrações estéticas sobre as formas arquitetônicas da cidade; prefere o art-decò ao art-nouveau, o Calatrava ao Niemeyer. Diferentemente de outras quase-arquitetas da cidade, Renata não se engana: sabe que vai trabalhar em uma construtora, muito provavelmente com projetos de habitação para a classe média baixa, dois-quartos com dependências, varanda, cozinha americana, portaria 24 h, vista indevassável para a Linha Amarela. Renata se descobriu celíaca aos vinte e dois. Não pode comer glúten. Sob nenhuma hipótese. Teve de deixar para trás todos os tipos de pães, biscoitos e massas. Pizza, só se for de tapioca. Aveia, de jeito nenhum. A boa e v…

Rodada (26/05/15)

Imagem

Eu não sou só uma mulher inteligente - Ana Claudia Calomeni

Imagem

Uma Confraria de Tolos - John Kennedy Toole

Imagem
Recomendação de leitura por Márcio Couto Apesar da erudição prematura e uma carreira acadêmica despontada já nos idos da adolescência, John Kennedy Toole não viu sua magnus opus ser lançada. Foi um homem solitário, rejeitado tanto literariamente quanto socialmente, e que cresceu sob o cabresto da mãe – mesmo esta sendo sua maior incentivadora intelectual. Escreveu apenas dois livros, o primeiro com 16 anos e se chamava ‘Neon Bible’, ele o enviou inúmeras vezes a alguns dos mais importantes editores dos EUA, no entanto fora sumariamente ignorado, a história se repetiu quanto ao segundo. Aos 31 anos, Toole cometeu suicídio por asfixia, utilizando-se de uma mangueira de jardim conectada ao escapamento de seu carro e atravessada à janela do motorista, ele sofria de depressão e paranoia. Após travar uma batalha de dois anos contra a depressão, Thelma Toole, sua mãe, que encarava os manuscritos originais do filho sobre a estante da sala diariamente, decidiu provar o talento de Kennedy con…

Vou ser fumante agora - Vivian Pizzinga

Imagem

Autopoiese - Guilherme Preger

Imagem